Create your own banner at mybannermaker.com!
Copy this code to your website to display this banner!

Quem sou eu

A Saideira [2011]

Eu ainda me lembro dos goles ardentes e secos que eu já dei. Da tristeza na boca do copo. Da minha tristeza mergulhada no arder.

Tudo que eu mais queria agora era mais um gole. Mas esse, eu guardo para amanhã, quando a dor for mais intensa.

Eu me lembro de você estar lá, zombando de mim, jogando falsas palavras em minha cara. De estar do lado errado da razão. De me fazer ter pena de você, assim como você (provavelmente) teria pena de mim.

Mas já parou para pensar que você não me conhece?

Nunca falamos, um para o outro, as verdades que nos torna reconhecidos.
E eu admito que não te conheço, apesar de falar o contrário, e pensar que realmente o sei.
Eu queria poder deixá-lo ir, assim como gostaria que me deixasse seguir também. Quem sabe aí, nossos copos ficariam vazios de vez, e minha boca seca.

0 Comentários:

Postar um comentário